A importância da Análise de solo na Avaliação de imóveis rurais

Data: 14/02/2017 | Fonte: Nero Perícias

A análise de solo, fundamental para identificar se será necessário fazer adubação ou adição de calcário à terra, pode ser feita sob dois aspectos: o físico e o químico.

É justamente na analise química que se determina a acidez do solo e, a partir dela, a quantidade de adubo e/ou calcário que ele deve receber para se ter uma boa colheita.

A importância da Analise de Solo na Avaliação de Imóveis Rurais

Para se fazer esta análise é necessário colher amostras do solo para, em seguida, enviá-las a um laboratório. Estas amostras devem ser produzidas a partir de várias coletas em diferentes partes da propriedade rural.

Para se fazer as coletas é preciso de um equipamento apropriado. Os mais comuns são a sonda e o trado holandês. Ambos são feitos de um material que não contamine as coletas (geralmente de aço inoxidável).

O processo consiste, inicialmente, em fazer a limpeza da superfície do solo a ser feita a coleta. Esta limpeza geralmente é feita com uma enxada e deve-se retirar a vegetação e outros materiais que estejam sobre a superfície. Em seguida faz-se a coleta do solo com a sonda ou trado. Estes equipamentos perfuram o solo até a marcação desejada e depositam a terra extraída do solo em um compartimento próprio. Depois de retirar o equipamento do solo, basta abri-lo e despejar a terra coletada em um recipiente (geralmente um balde) apropriado. Vale ressaltar que este recipiente não pode contaminar amostra; desta forma não se pode utilizar balde de calcário, adubo ou fertilizante.

Depois de feitas várias coletas em regiões diferentes da propriedade, deve-se então montar a amostra. Para isso basta misturar as coletas, de forma que se obtenha uma amostra homogênea. Esta amostra então deve ser colocada em saquinhos, identificadas e enviadas ao laboratório de análise.

Este procedimento de análise de solos consta na Norma da ABNT NBR 14.653-3, no ítem 7.3.1, sub-ítem a, que estabelece a importância de se fazer a caracterização da região: "aspectos físicos: relevo e classes de solos predominantes, ocupação existente e tendências demodificação a curto e médio prazos, clima, recursos hídricos;".

A análise de solo não só servirá para caracterizar a região como também para servir de comparativo com os imóveis referenciais que serão coletados para a avaliação do bem.

A avaliação de imóveis rurais ainda consiste em avaliar as construções , instalações, máquinas e equipamentos, produções vegetais, atividades pecuárias, obras e trabalhos de melhorias das terras.

Mas Como avaliar um imóvel rural ?

A NERO Perícias cuida disso para você. Ela possui uma equipe de peritos avaliadores de imóveis credenciado junto ao CNAI (Conselho Nacional de Avaliadores Imobiliários) e ao CONPEJ (Conselho Nacional de Peritos Judiciais) aptos a atuar tanto na esfera judicial como extra-judicial.

Entre em contato hoje mesmo com a Nero Perícias e solicite um orçamento sem compromisso.

A NERO Perícias faz avaliação imobiliária em todo o Brasil.


Mais notícias...